Sentido Único

se eu soprasse,
tu soprasses,
o calor emergia,
se eu tentasse,
se tu tentasses,
estaríamos em harmonia,
eu sou,
tu és,
um céu em meus pés,
sempre me soou,
naquele ouvido em que gritaste,
lábios que amaste,
cada passo meu,
cada batimento teu,
pareciamos uma só onda,
enrolados na espuma da areia,
serias minha sereia,
onde estou?
por onde vim?
vivo triste nesta ponta,
neste beco de prazo,
curto ou longo,
saberei um dia,
momento de um ponteiro,
escondido no teu mealheiro,
esperando o teu baloiçar,
o amor do teu olhar.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O contrário da Vida!!!

...Relembrar...Viver

Refúgio