Fugindo a Mágoas!!!

A vida em nós é uma mudança,
A cada dia crescemos numa pequena balança,
Recordo a melodia em que sonhei,
Fechando e deixando me levar no tempo,
Nessa névoa ou penumbra que me deixarei cair,
Olhando a tristeza do passado em Setembro,
Sentado na janela do meu quarto olharei o céu por alguém,
A cada folha que voa em torno de Eu,
A cada um par de três em um,
Saltarei por um só jejum,
Que seja meu padroeiro "O sermão aos Peixes",
Que me minha Avó me ergue em Deus,
Que a liberdade minha ou tua se abra em Feixes,
Agora, só por este e meu pequeno sossego,
desassossego, ou importância de tal,
Por mais que deite este pobre cal,
Por mais que escute a minha voz eterna,
Sobreviverei a cada triste folha que trespasse me,
De repente um rodopio de vivacidade,
Tudo se fez "Claro",
Um diluvio de emoção,
Embalo me nesta canção.
Por fim fecho me no seu som,
alegre e Espadarte Som!
Adeus....

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Refúgio

...Relembrar...Viver

Espelho de Alma